web analytics

Artigos recomendados

13 comentários

  1. Na minha opinião O&P de 2005 ganha, eu acho que já vi esse filme mais de quarenta vezes, meu dvd deve ter um buraco, eu decorei as falas e tudo… viciei… a Versão de ‘4o eu não gosto muito não, achei aquela Lizzie um pouco madura demais pro papel, atriz já tinha 36 anos, pra não mencionar os trajes… enfim ah Raquel olha o que achei
    http://data.whicdn.com/images/14803165/tumblr_lrb9suIlAg1qc4dsmo1_500_large.jpg

    Quando eu os vi no cinema eu disse, ahh Lizzie e darcy juntos de novo! ainda bem que a sessão não estava cheia…

    1. Nique,

      ai, ai e eu preciso rever OP2005 para fazer umas anotações mas cadê boa vontade?

  2. Eu vi a versão de40, achei meio afetada, mais pra comédia do que romance. E concordo com a Nique, os trajes aff, um horror, rs

  3. Terminei de ler o livro ontem! Simplesmente apaixonante.
    Agora só me falta procurar alguma versão nas telas,rs,sendo que eu não tenho muita curiosidade de ver a versão com a Keira Knightley, pelo fato de não acha-la tão boa atriz… Mas tentarei encontrar outras versões XD

  4. Tive que interromper o filme para fazer os meus comentários. Primeiramente, acredito que ouve uma grande influência do filme de 1940 para o de 2005, principalmente com relação ao Sr. Darcy ( no qual os dois são, como visto, mais amáveis) e a redução e modificação de algumas características do livro. Apesar da elegância extrema, da particularidade de a Sra. Elizabeth ter a aparência mais madura do que a própria Sra. Jane e da ausência de algumas partes importantes para a narrativa; digo que gostei muito do filme de 1940, principalmente quanto ao Sr. Darcy ( diga-se de passagem, um belo ator e que dá um ar mais apaixonado ao personagem)….para aqueles que não assistiram, façam como eu, compre o dvd ( comprei o meu quarta, e sexta já estava com ele asssitindo), e aproveitem muito.

    1. Maria de Fátima,

      sei de todas as diferenças e maluquices mas adoro essa versão. E você pelo visto está gostando muito, também!

  5. PS: adorei a parte em que ele se declara….bom, as duas partes…..muito fofo!

  6. Também adorei essa parte Raquel…e, tirando a parte da “generosidade” de Lady Catherine, o filme em si é muito bom….gostei muito mesmo…agora vou atras da versão de 1980….bjoss e ótima semana

  7. Bom, por mais que O&P de 2005 não tenha sido fiel ás cenas do livro, eu achei as sacadas do diretor muito boas p/algumas delas. Lizzye passa cerca de 3 meses em Rosings no livro e, embora isto não fique tão claro assim no filme, a idéia de dar esta noção de tempo com Elizabeth escrevendo a carta à Jane bem na hora que Mr. Darcy entra na casa dos Collins foi boa. Outra coisa: parte da carta dele virou dialogo da cena da chuva, e depois da cena em que ele entrega suas explicações escritas a Lizzye, foi uma boa idéia, pois ler a carta no livro é um tanto maçante. Georgiana pode não ter sido mostrada como tão tímida e tão alta para sua idade, mas gostei da forma como ela foi retratada no enredo do filme, afinal ficou a idéia dada pelo livro apenas com a Sra. Gardiner e suas suspeitas em relação aos sentimentos do Sr. Darcy (no caso do filme, os parentes e as pessoas ao redor já vinham manjando o clima entre os dois). No mais, todos os personagens tinham vida, eram intensos, cada um a seu modo. Eu não tenho dúvidas que escolhi como dvd a versão certa rs!

Comentários estão encerrado.