web analytics
CARTAS,  Orgulho e preconceito

Retrato: Mrs Q e Jane Bennet

Em uma carta, datada de 24 de maio de 1813, Jane Austen conta para a irmã Cassandra que foi a uma exposição de pinturas a óleo e aquarelas em Spring Gardens e ficou impressionada com uma pintura que parecia Jane Bennet. Segundo estudiosos é possível que a pintura a qual ela se refere seja o retrato de Mrs. Q., pintado pelo francês François Huet-Villiers, que estava na referida exposição. As exatas palavras de Jane Austen foram:

Mrs. Bingley, exatamente ela própria, em tamanho, formato do rosto, características e doçura; nunca houve tamanha semelhança. Ela está com um vestido branco, com ornamentos verdes, o que me convence o que sempre pensei, que verde era sua cor favorita.

Se de fato for essa pintura, me pergunto se Jane saberia que Harriet Quentin, a modelo, era amante do príncipe regente a quem ela desprezava.

A pintura que reproduzo abaixo não é a original de Huet-Villiers, que não encontrei e tampouco sei se ainda existe, mas sim uma reprodução da mesmo feita em 1820 por William Blake.

4 Comentários

  • Mell

    Nossa, que legal Raquel! Eu não sabia que ela era amante do príncipe regente. Acho que Jane não sabia disso quando viu o quadro.

    (não sei o motivo, mas sempre achei que a cor favorita da Jane seria azul, e não verde)

    • Raquel Sallaberry Brião

      Mell,
      eu não fazia a menor ideia que essa mocinha linda pudesse ser amante daquela criatura! Também acho que se essa for o mesmo a imagem a que Jane se refere, ela não sabia do caso amoroso com o sacripanta…