web analytics
MISCELÂNEA,  Orgulho e preconceito,  Razão e sentimento Razão e sensibilidade

Janeite: Sandra Freitas

Sandra Freitas

Nome: Sandra Freitas

Colaboradora do Jane Austen Portugal

Cidade: Vila Nova de Gaia  (ao lado do Porto, cidade mundialmente conhecida por seu vinho.

Profissão: Enfermeira

Blogue pessoalMovies, dreams e outras coisas

Hobbies: Apesar de ser muito ligada ao mundo das letras e da literatura, optei por uma profissão muito diferente pois sou enfermeira há cerca de catorze anos. O que não é mau de todo. Posso trabalhar naquilo que gosto e, nos tempos livres, refugiar-me naquilo que realmente me dá prazer: ler, escrever, Jane Austen, Bronte(s), cinema, séries de época, etc, etc. Tenho ainda uma verdadeira paixão por tudo aquilo que é britânico e o meu destino de eleição sempre será Londres e o campo inglês. Sou ainda muito apaixonada por North and South da Elizabeth Gaskell e foi a pensar nesse amor que criei o meu blog pessoal, o Movies, dreams e outras coisas (link acima) que acabou por se tornar num espaço onde partilho os filmes e séries que vejo (basicamente tudo britânico), os livros que leio e outros desabafos vários.

Sandra, qual sua opinião sobre Sensibilidade e Bom Senso e sobre Orgulho e Preconceito?

Sobre Sensibilidade e Bom Senso de Jane Austen posso dizer que não é das minhas obras favoritas. Sempre gostei de histórias com heróis fortes e determinados e o Edward Ferrars é tudo menos isso. Daí que o personagem que mais me encanta nessa história é mesmo o Coronel Brandon; não fiquei nem um pouco triste quando a Marianne o escolheu. Foi a escolha mais acertada apesar de também achar que ele ficaria bem melhor com o Elinor e quiça o Edward com a Marianne. Por vezes, os opostos atraem-se… Sensibilidade e Bom Senso acaba por ser belo porque nos traz uma personagem (Elinor) muito completa, madura e sofrida, inserida numa história bem construída e que ainda cativa muitas pessoas por esse mundo fora.

Sobre Orgulho e Preconceito… Meu Deus! Que dizer sobre esta obra?! É simplesmente uma das obras mais geniais que alguma vez atravessou as teias do tempo. Tem duas das personagens mais emblemáticas da literatura mundial, Mr Darcy e Elizabeth Bennet, duas pessoas unidas por uma história intemporal, que ainda hoje nos pode ensinar muito. O restante do ‘elenco’ da história é também muito interessante e entrelaça-se perfeitamente com a história principal. Sempre que releio essa obra ou vejo alguma das suas adaptações penso que Jane Austen é um génio da literatura e teve uma mente tão fabulosa que lhe permitiu criar esta magnífica trama. Nos meus sonhos mais atrevidos, gostava de um dia poder imaginar uma história assim tão intensa e tão soberba.

Facebook Comments Box

7 Comentários

  • Vera

    Eu também sempre que penso em O&P acho que a Jane Austen era um génio. É tudo tão bem articulado, tão bem encaixado. É pena que não se saiba muito sobre o processo de escrita deste livro. Eu gostaria de saber se ela primeiro planeou e depois escreveu ou se foi inventando enquanto escrevia

    • Raquel Sallaberry

      Vera,

      também tenho essa curiosidade sobre o processo de criação de Jane Austen. Não podemos esquecer que antes de publicar ela revisou os originais. Será que nesse ponto fez muitas modificações?

  • Bárbara Oliveira

    Estou lendo Orgulho e Preconceito, novamente. E por esses dias fiquei pensando… “se a vida tivesse dado mais tempo para Jane poder criar outras histórias” Nossa!!
    Eu nunca fui uma pessoa de ser fã de nada, mas quando tive o prazer de ver o filme de 2005 de Orgulho e Preconceito, me enfeitiçou corpo e alma!! Jane Austen é uma gênia atemporal, sem dúvida nenhuma.
    O&P, pra mim é a melhor de todas as suas obras.

    • Raquel Sallaberry

      Bárbara,

      se nossa gênia tivesse rido mais tempo nós estaríamos mais felizes do que Aladin!

  • Celina

    Jane Austen é a minha escritora preferida. E ela está acima de outros que também considero criadores de obras e personagens inesquecíceis porque eu amo o “mundo Jane Austen”(os vilarejos, a natureza, os jardins, os palácios, as “cottages”, a vida simples sem pressa…)
    São personagens incríveis, vivendo estórias incríveis, em lugares incríveis e com finais felizes. São personagens que me fazem sonhar e querer estar no lugar deles; como eu invejo uma Elizabeth Bennet, uma Anne Elliot, uma Emma!
    Orgulho e Preconceito é o meu livro preferido, sou apaixonada por Mr Darcy, já Razão e Sentimento está em quarto lugar na minha ordem de preferência.