web analytics
MISCELÂNEA

Isto não é uma tradução de Jane Austen

Procurando por textos em português de Jane Austen na internet achei um site, que não colocarei o link porque é pura vigarice, apesar da aparência inocente. Está claro que apanharam os textos de Jane e de outros autores, disponíveis gratuitamente no Project Gutenberg, jogaram em algum tradutor automático e “publicaram”!

Além de informar os incautos, vamos nos divertir como certamente faria Jane. Com a palavra os “editores de tão promissor site”,

Bem-vindo à terceira edição dos Livros para Todo o projeto. O objetivo desta edição está igual a isto estava na segunda edição ­ fazer os romances clássicos disponível para outros idiomas.

Agora as obras de Jane:

| Senhor Walter Elliot, de Corredor de Kellynch, em Somersetshire, era um homem que, para a própria diversão dele, nunca levou qualquer livro mas o Baronetage […]
| Ninguém que alguma vez tinha visto Catherine Morland na infância dela vai supôs o nascido dela ser uma heroína.
| É universalmente uma verdade reconhecida, que um único homem em posse de uma fortuna boa, deve estar em desejo de uma esposa.
| Emma Woodhouse, bonito, inteligente, e rico, com uma casa confortável […]
| A família de Dashwood tinha sido resolvida muito tempo em Sussex.

Mas o que mais me sensibilizou foi esta cartinha em Lady Susan, oops! Senhora a Susan para ser fiel à edição,

| MEU QUERIDO BROTHER,–eu já não posso me recusar o prazer de […]

Se alguém fizer questão de conhecer o ambicioso projeto, basta copiar umas da citações e jogar no Google! Good Sorte!

4 Comentários