web analytics
LIVROS JANE AUSTEN,  Persuasão

Castelo de Wentworth, uma homenagem?

Quando comprei a versão de John Coates dos Watsons tive que comprar também esta belezinha de Walter Scott, Ivanhoé. Vocês sabem que Scott tinha Jane em alta conta, como eu poderia deixá-lo no sebo?  E fui recompensada quando li a primeira página. Imediatamente comecei a imaginar coisas… Mr. Scott escreveu uma crítica muito favorável sobre Emma no Quaterly Review em1816 e seu livro Ivanhoé foi publicado em 1819, dois anos após a morte de Jane. Terá sido uma homenagem?

ivanhoe_1 ivanhoe_2

Este livro da editora Livraria Garnier não tem uma mísera data mas talvez pela “ortographia” seja possível saber a época de publicação. Socorro! não tem nem quem traduziu. Alguém saberia?

Facebook Comments Box

7 Comentários

  • Paula Aryana de Sena

    Sim, acho que é possível uma homenagem de Scott a Austen. Só um lembrete, cortesia de Anthony Burgess, (esse intelectual inglês que admiro): Jane Austen é, hoje, mais popular que Walter Scott porque este tem um estilo grandiloquente e rebuscado que não dialoga com o leitor dos dias atuais…

    • Raquel

      Paula,
      sem contar que os romances de Scott são longos e cheios de referências e os leitores de hoje estão cada vez mais “frugais”!

  • denise bottmann

    guria, que coisa mais maravilhosa – que achado!
    olha, a garnier no brasil fechou em 1934. se eu descobrir algum dado a respeito, te aviso. meu ivanhoé é da martins livraria, final dos anos 50, trad. brenno silveira, solenemente plagiado pela nova cultural em 2003, dando um ectoplasma como tradutor, “roberto nunes whitaker”.
    agora essa da garnier é uma preciosidade, parabéns, e que achado mesmo!

  • denise bottmann

    a garnier foi criada em 1844: http://pages.citebite.com/a1g6m5v5w9bdf

    e na fbn, catálogo antigo, dá 1909:
    http://catalogos.bn.br/scripts/odwp032k.dll?t=nav&pr=cardcatalog_pr&db=cardcatalog&use=ti&rn=2&disp=card&sort=off&ss=22313117&arg=ivanhoe, romance historico.
    a fbn é meio doida: tem uma outra ficha dando bem assim: (1829?), ou seja, a garnier nem existia. acho 1909 mais confiável.

    vou ver se descubro o tradutor.

    uau, fiquei entusiasmada com teu ivanhoé!

    • Raquel

      Denise,
      estou vendo!

      Encontrei por acaso como sempre acontece e como não posso ver um livrinho velhinho e encardidinho que entro em mode [mi larga qui tô loka], comprei…

      Essa Garnier deveria ser um luxo!

    • Raquel

      Elaine,
      a gente sempre encontra uma coisa quando procura outra… (desculpas esfarrapadas de quem sempre compra mais do que deve!)