web analytics
LIVROS JANE AUSTEN,  MISCELÂNEA,  Razão e sentimento Razão e sensibilidade

A publicação de Sense and Sensibility – Parte 2

Na primeira parte deste artigo escrevi sobre a única carta na qual Jane Austen mencionaSense and Sensibility antes de sua publicação. Ela fala a respeito das correções que fez em duas páginas e particularmente no capítulo 9 sobre na primeira aparição do personagem Willoughby.

Nesta segunda e última parte falarei sobre data de publicação de Sense and Sensibility.

Antes de mais nada é preciso esclarecer que a data de publicação de qualquer livro pode vir impressa de várias maneiras, sem contar os livros que não tem essa informação, como é o caso deste exemplar. E mais ainda, o livro pode ter sido impresso numa data, mas a que permanecerá como data de publicação será a determinada pela editora, impressa no frontispício, colofão ou página de créditos, como podemos ver nas imagens abaixo.

A primeira edição de Sense and Sensibility, tem apenas o ano impresso no frontispício assim como a edição da Folio Society de 1958. A tradução de Razão e sentimento por Dinah Silveira de Queiroz em 1944 e a de Ivo Barroso em 1982, trazem o mês e o ano no colofão.

As primeiras datas que tomei conhecimento foram nos livros, Jane Austen Facts and Problems (1926) e Northanger Abbey, Lady Susan, The Watsons, Sanditon (1998). Ambas mencionam o mês de novembro. No ano passado descobri uma edição online de Cambridge onde consta, na cronologia, uma data exata: 30 de novembro. Escrevi dois post sobre o assunto: ”Imagens de Sense and Sensibility nos 199 anos” e ”Sense and Sensibility, October or November?; este último no Jane Austen Today para ver se algum leitor de língua inglesa poderia ter mais alguma informação. Não obtive sucesso. (imagens abaixo)

Quando iniciei a leitura comparada das traduções para o bicentenário de Sense and Sensibility escolhi o original da Barnes & Noble, (que eu nunca havia aberto) e que me surpreendeu com uma ótima introdução de Laura Engel. E mais ainda com o quinto parágrafo, (imagem abaixo) onde lê-se que a primeira publicidade de Sense and Sensibility apareceu no Morning Chronicle em 31 de outubro de 1811.

De fato o livro já deveria estar impresso quando foi anunciado e só lamento não ter encontrado uma imagem que fosse do jornal, nessa data. Com esta informação deduzi que edição da Cambridge [¹] possivelmente optou por uma data de publicidade em outubro como sendo a da publicação, diferente de Oxford que preferiu novembro.

[¹] Note-se que a data da edição de Cambridge é 30 de outubro e a edição doMorning Chronicle é de 31 de outubro. Terá sido outro jornal? Ou as datas estarão errada em um dos textos?

  • Texto publicado originalmente em 18 de abril de 2011 no meu blog Lendo Jane Austen.
Facebook Comments Box

4 Comentários

  • Raquel Sallaberry Brião

    Gabriela says:
    April 19, 2011 at 12:08 am

    Raquel
    Só tenho que parabenizá-la pelo seu esforço e sua dedicação no que se refere a esclarecimentos sobre as obras de Jane Austen.
    Bjos.

    • Raquel Sallaberry Brião

      Gabriela,

      muito obrigada! Às vezes fico intrigada com as coisas que vou achando nas leituras de Jane Austen.

  • Raquel Sallaberry Brião

    Vilma says:
    November 17, 2011 at 4:54 pm

    muito obrigada! pela sua dedicação.
    adoro a Jane Austen