Persuasion com ilustrações de William C. Cooke

Quando encontrei este exemplar de Persuasion, publicado em 1893 pela J. M. Dent na Aldine House, por um preço razoável, comprei sem pensar muito pois os livros da coleção de dez livros vale uma pequena fortuna.

O livro tem três ilustrações de William C. Cooke e as decorações do frontispício e inícios de capítulos são de F. C. Tilney. Neste post colocarei apenas a imagem da capa, o frontispício e uma ilustração.

A capa está com inúmeros rasgos mas o interior do livro está em boas condições.

Persuasion, 1893 (Persuasão)

O frontispício pode dar uma idéia da delicadeza das decorações nos interior além da mostra do design da época.

Persuasion, 1893 (Persuasão)

A ilustração é do momento que Anne chega na casa da sua irma, Mary Musgrove, para cuidar de suas doenças imaginárias!

Persuasion, 1893 (Persuasão)

Jane Austen e Mozart

Para fãs e colecionadores de Jane Austen, que também apreciam Mozart, o livro Jane Austen e Mozart: Classical Equilibrium in Fiction and Music certamente é um achado.

Segundo a descrição do livro no eBay Virgínia Wolf já havia percebido afinidades entre a arte de Jane Austen e a de Mozart, mas foi somente em 1983 que Robert K. Wallace comparou de forma detalhada o estilo artístico e trabalhos individuais da escritora e do compositor. As comparações foram entre¹:

  • Orgulho e preconceito e Piano Concerto nº 9
  • Emma e Piano Concerto nº 25
  • Persuasão e Piano Concerto nº 27

Jane Austen e Mozart

A primeira página do capítulo quatro para quem entende de música e certamente apreciará o livro para além da curiosidade e da necessidade de colecionar tudo que se refere à autora.

Jane Austen e Mozart

Fonte

¹ JSTOR

Box Jane Austen da L&PM | Sorteio

Meninas e meninos, vejam só que tentação! Um box com 4 livros de Jane Austen da coleção pocket da editora L&PM, a saber: Orgulho e preconceito, Razão e sentimento, Persuasão e Abadia de Northanger, que está à venda com somente na Amazon Brasil, com um desconto e tanto e fica por R$ 49,90.

E para completar a felicidade, a editora, que sempre foi de uma gentileza ímpar com o Jane Austen em Português, tem um box para sortear com vocês leitores do blog. Então vamos deixar de conversa mole e  vamos logo para o sorteio!

Como sempre é preciso responder uma pergunta − que não tem resposta certa ou errada − mas precisa ser respondida para participar do sorteio:

Diga qual dos quatro livros é seu preferido.

NORMAS DO SORTEIO

  • Sorteio de 22 de agosto a 7 de setembroResultado: 8 de setembro
  • É permitido apenas um (1) comentário por participante
  • Se um grupo usar o mesmo computador para comentar, o que levará a IPs iguais, avise no próprio comentário para não ser desclassificado
  • Use seu mail verdadeiro e apenas no formulário. Não coloque email no corpo do comentário
  • Lembrem-se: comentários são moderados e podem levar um tempo para serem publicados
  • Qualquer um pode comentar mas somente quem tiver um endereço no Brasil concorrerá ao presente

Box Jane L&PM

Carta do Capitão Wentworth em francês

A carta mais amada dos romances de Jane Austen é sem dúvida a carta que o Capitão Wentworth escreveu para Anne Elliot, em Persuasão. Muitos a consideram a mais romântica das cartas – eu prefiro a palavra passional – mas seja qual for nosso sentimento ao ler as palavras endereçadas para Anne, creio que vocês gostarão de ler em uma língua sempre considerada muito romântica!

Aqui está a famosa carta em francês, do meu exemplar de Persuasion da Christian Bourgois Éditeur com tradução André Belamich:

Je ne puis écouter davantage en silence. Il faut que je vous parle, avec les moyens dont je dispose. Vous transpercez mon âme. Je suis partagé entre l’angoisse et l’espoir. Non, ne me dites pas qu’il est trop tard, que ces précieux sentiments ont disparu à jamais. Je vous offre de nouveau un coeur qui vous appartient encore plus totalement que lorsque vous l’avez brisé, il y a huit ans et demi. Ne prétendez pas que l’homme oublie plus vite que la femme, que son amour meurt plus tôt. Je n’ai jamais aimé que vous.
Injuste, j’ai pu l’être, faible et rancunier, je l’ai été…mais inconstant jamais. C’est vous seule qui m’avez fait venir à Bath. C’est pour vous seule que je pense, que je fais des projets…Ne l’avez-vous pas senti? N’avez-vous pas compris mes souhaits?…Je n’aurais même pas attendu ces dix jours si j’avais pu lire vos sentiments comme je pense que vous avez du pénétrer les miens. J’arrive à peine à vous écrire. J’entends à tout moment quelque chose qui me bouleverse. Vous baissez la voix, mais je puis distinguer les inflexions de cette voix, quand même elles échapperaient à d’autres…O parfaite, excellente créature! Vous nous rendez bien justice. Vous êtes sûre que l’attachement et la constance véritables existent parmi les hommes. Soyez assurée de les trouver infiniment fervents, infiniment fidèles chez
F. W
Il faut que je parte, incertain de mon sort; mais je reviendrai ici ou bien je rejoindrai votre groupe dès qu’il me sera possible. Un mot, un regard suffiront à décider si j’entrerai chez votre père ce soir, ou jamais.”

Persuasão em francês

Eudora Welty e Jane Austen

Eudora Welty“I’ve been reading [Jane Austen's] Persuasion under the air conditioner at night in bed, the best part of any day.”
Venho lendo Persuasão [de Jane Austen] sob o ar condicionado à noite na cama, a melhor parte de qualquer dia.
Eudora Welty em carta para William Maxwell (18 de agosto de 1987)

Eudora Welty (1909-2001) foi uma contista e romancista norte-americana que retratou com profunda delicadeza a sociedade do sul dos Estados Unidos no século XX. Sua obra mais importante é o livro de contos interligados As Maçãs Douradas (1949).

Colaboração de Enzo Potel do É Difícil Encontrar Um Blog Bom. Obrigada, caro!